sábado, 29 de novembro de 2008

A Santa Virgem acrescentou: 'Eis o símbolo das graças que eu derramo sobre as pessoas que as solicitam a mim', fazendo-me, então, compreender o quanto Maria é generosa para com as pessoas que rezam, confiando nela. Naquele momento eu estava ou eu não estava... não sei... eu estava feliz demais! Formou-se, então, em torno da Virgem Santíssima, um quadro oval, sobre o qual podiam-se ler, em letras de ouro, as seguintes palavras: 'Ó Maria, concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós.' A seguir, ouvi uma voz a me dizer: 'Fazei com que seja cunhada uma medalha segundo este modelo. Todos os que a usarem receberão grandes graças. As graças serão abundantes para aqueles que a portarem com confiança.' Imediatamente, pareceu-me que o quadro se movimentou e pude ver o reverso da medalha; eu estava inquieta, pois não atinava com o que deveria colocar ali. Após muitas orações, um dia, enquanto meditava, tive a impressão de ouvir uma voz que dizia: A letra M (monograma de Maria) e os dois corações dirão o necessário. O coração da esquerda estava cercado de espinhos; o da direita, transpassado por uma espada. Eram os Sagrados Corações de Jesus e Maria.

Relato de Santa Catarina Labouré sobre as aparições da Virgem Maria em Paris, no ano de 1830

Deixe um Comentário

- Copyright © Meu Imaculado Coração Triunfará -