domingo, 16 de novembro de 2008

Em verdade, em verdade, o Salvador do mundo colocou a doçura e a humildade como base de todas as virtudes. Abstinência, jejum, austeridade, pobreza interior ou exterior, boas ações, milagres, nada representam, nada são, sem a humildade do coração. Mas todos estes bens ganharão vida e serão abençoados se a humildade lhes for acrescentada.
A humildade do coração é a força geradora das virtudes; o caule e os galhos procedem da raiz. O preço da humildade é infinito, sendo o fundamento que faz crescer a perfeição espiritual. O Senhor, então, e só Ele, tem o cuidado de nos dizer: "Sede humildes".
E a Virgem Maria, visto que a humildade é a guardiã universal, como se tivesse esquecido todas as outras virtudes da sua alma e de seu corpo, só admirava uma coisa em si própria e deu um único motivo para que a Encarnação do Filho de Deus a tivesse escolhido: "Porque Ele olhou para a humildade de Sua serva." Foi por este, e por nenhum outro motivo, que as gerações a proclamaram "bem-aventurada".


Santa Ângela de Foligno - 4 de janeiro - Itália. Nossa senhora das Rosas (1418)

Deixe um Comentário

- Copyright © Meu Imaculado Coração Triunfará -