MARIA É BENDITA ENTRE TODAS AS MULHERES

Pe. Gilberto Kasper* No próximo domingo celebraremos o Quarto Domingo do Advento, especialmente dedicado à protagonista do Evangelho de Lucas, Maria, o porta-jóias do Salvador. O texto do Evangelho de Lucas pertence aos relatos do nascimento e da infância de Jesus e mostra o seu significado no plano divino da salvação. Maria crê na promessa de Deus, anunciada pelo anjo Gabriel (Lc 1,38). Dirige-se, apressadamente, à região montanhosa da Judeia para visitar e servir Isabel que estava grávida. A cheia de graça entra na casa de Zacarias, aquele que foi lembrado por Deus, e cumprimentou Isabel (cf. Roteiros Homiléticos da CNBB, nº 24, pp. 28-29). É intrigante a “fuga apressada” de Maria. Imagino o quanto Nazaré não falaria mal daquela que prometida em casamento a José, de repente aparece grávida do Espírito Santo. Quem acreditaria nisso? Do ponto de vista humano, ela fugiu das más línguas de sua cidade. Pois até em nossos dias, discriminamos mães solteiras ou não casadas! Imaginem na pequenina cidade de Nazaré no tempo de Maria! Já do ponto de vista teológico, Maria torna-se, segundo Paulo VI, “A Estrela da Evangelização”, a primeira missionária, levando ainda em seu útero o Salvador para além de si. Aquele encontro das duas mulheres é encantador. As duas mães agraciadas se encontram para louvar e agradecer a ação libertadora do Senhor em suas vidas e na vida do povo. O encontro delas, torna-se, também, o do precursor com Jesus. João, chamado por Deus desde o ventre materno, como os antigos profetas (cf. Is 49,1; Jr 1,5), exulta de alegria diante da presença do Salvador. A alegria do precursor sinaliza o cumprimento das promessas de Deus em Jesus, o Messias. A força do Espírito capacita Isabel a bendizer o Senhor com palavras que recordam a libertação do povo: “Bendita és tu entre as mulheres e Bendito é o fruto do teu ventre” (Lc 1,42; cf. Jz 5,24; Jt 13,18). Maria é bendita entre todas as mulheres, porque carrega dentro de si o Filho de Deus. Ela é como a arca da aliança (cf. 2Sm 6,9), portadora da presença salvífica do Senhor, para o povo. Em nossa Igreja Santo Antoninho, encerra-se no próximo domingo o IXº Concerto Ecumênico de Natal de Ribeirão Preto, cantado pelas Pupilas Antoninhas de nossa Reitoria, durante a Missa das 10 horas, na Av. Saudade, 222-1, nos Campos Elíseos. As celebrações do Natal serão na véspera, dia 24 às 19h30 e no dia 25 de dezembro às 8 e 10 horas. Sentindo-nos grávidos de Jesus, saibamos levá-lo para além de nosso individualismo, tornando-nos a exemplo de Maria, evangelizadores, missionários e discípulos do Deus feito Pessoa, nosso Salvador! *pe.kasper@gmail.com Mestre em Teologia Moral, Especialista em Bioética, Ética e Cidadania, Professor Universitário, Assistente Eclesiástico do Centro do Professorado Católico, Reitor da Igreja Santo Antônio, Pão dos Pobres da Arquidiocese de Ribeirão Preto e Jornalista.
MARIA É BENDITA ENTRE TODAS AS MULHERES MARIA É BENDITA ENTRE TODAS AS MULHERES  Reviewed by Apostolos dos Sagrados Corações on sexta-feira, dezembro 21, 2012 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.