terça-feira, 8 de agosto de 2017

Papa reconhece milagre de padre Victor, candidato a 1º Santo negro do Brasil
Próximo passo é a beatificação de sacerdote mineiro – para ser canonizado será necessário que a Igreja Católica certifique a existência de mais um milagre

O papa Francisco reconheceu um milagre atribuído ao padre brasileiro e venerável servo de Deus Francisco de Paula Victor, informou a Santa Sé neste sábado. O milagre, que não foi detalhado pela Santa Sé, dá continuidade ao processo de canonização do sacerdote – o próximo passo é a beatificação. Ele pode se tornar o primeiro santo negro brasileiro.

A Santa Sé explicou que o aval do papa Francisco à Congregação para as Causas dos Santos para o reconhecimento do milagre de padre Victor ocorreu nesta sexta-feira, em uma audiência privada que teve com o cardeal Angelo Amato, governador regional da congregação.

Para ser canonizado – e adquirir a condição de santo – é necessário que a Igreja Católica certifique a existência de um segundo milagre atribuído à intercessão do padre, o que deverá ocorrer depois de ele ser proclamado beato.

Porém, este requisito nem sempre é cumprido, uma vez que o santo João XXIII foi canonizado no último dia 27 de abril sem a existência de um segundo prodígio.

Vida – Filho de escravos, o padre Francisco de Paula Victor nasceu em Campanha, Minas Gerais, em 12 de abril de 1827 e morreu em Três Pontas, no mesmo Estado, no dia 23 de setembro de 1905. Foi criado no seio de uma família humilde e sem recursos e sempre se destacou por seu comportamento piedoso e modesto. Ainda menino aprendeu o ofício de alfaiate, mas, aos 21 anos, compreendeu que seu destino era dedicar sua vida à religião católica.

Deixe um Comentário

- Copyright © Meu Imaculado Coração Triunfará -